Blog

Get latest company news here

Confira onde os 8,5% não será parcelado

Resultado de assembleias intensas com atrasos na produção e mobilização, as negociações diretamente com mais de 80 empresas fecharam o reajustede 8,5% integralmente agora na data base 1º de novembro.  Segue a relação de fábricas onde houve esta conquista: Samphar Buckman Laboratórios Ltda Sulamérica Plásticos  Indústria e Com. Ltda Meridional Merial Bio Center Ibasa Lubrificante Fenix Ask Moriello Innex Adere Rolpack GR Química Tasqa –laboratório analítico Orion Natura Qualitech Química Contech Ipackem Lubrisol Solenis Devintex Yara Fertilizantes Galvani Pantera SBK…

Assembleia final reafirma rejeição ao parcelamento dos 8,5%

Mobilização, que já é grande, vai crescer muito mais. As máquinas vão parar! Por duas vezes consecutivas as trabalhadoras e trabalhadores da base territorial da Regional Campinas do Unificados recusaram, por unanimidade, a proposta patronal de parcelar 8,5% em duas vezes. A primeira recusa foi em assembleia realizada no dia 06 e a segunda no dia 20 de novembro, ambas no Cefol. Lutar… lutar… lutar A decisão seguinte tomada na assembleia do dia 20 mostra a disposição de luta da…

Sindicato fecha acordo em mais de 80 empresas garantindo reajuste sem parcelamento

Hoje (18/11), a mobilização foi na ITW Polymers, em Valinhos. O Unificados dialogou com os/as companheiros/as  sobre a situação de nossa campanha salarial e também para convocar os/as trabalhadores/as a participar da assembleia deste domingo (20/11), que definirá os rumos de nossa luta. Entre os principais pontos de reivindicação dos/as companheiros/as da ITW estão o fim do assédio moral, melhoria no valor do tíquete alimentação e Participação nos Lucros e Resultados (PLR), além de negociação para pontes de feriado. A…

Hoje a luta é na Sherwin-Williams: todas e todos nas assembleias do próximo dia 20/11!

Trabalhadores/as da Sherwin-Williams, de Sumaré, realizaram assembleia na manhã desta quarta-feira (16/11) para tratar da campanha salarial e pressionar a empresa abrir negociação. Várias fábricas da região de Campinas e Osasco já responderam ao Unificados que atenderão a pauta de reivindicações apresentada na semana passada. A maioria das empresas está garantindo o pagamento da reposição da inflação pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (8,5%) de uma vez só, agora em novembro. Este é o patamar mínimo de reajuste definido…

Atraso de jornada por 4 horas na Rhodia! Mais de 40 empresas aplicam reajuste total em novembro

No dia Nacional de Paralisações (11/11), trabalhadores químicos Unificados atrasaram em quatro horas a produção das empresas do condomínio Rhodia (Basf, Bayer, Air Liquide, Merial, Solvay e Tereftalicos) em protesto ao não retorno às nossas reivindicações de campanha salarial apresentadas a estas empresas. O reajuste mínimo aceitável é a reposição da inflação (8,5%) de uma vez só em novembro. A decisão dos/as trabalhadores/as nas assembleias realizadas no dia 6/11 foi a de lutar pelo reajuste integral e aumento real fábrica…

Hoje a mobilização foi na Invista: 8,5% é o reajuste mínimo!

O Sindicato Químicos Unificados intensifica luta nas fábricas para que os patrões apliquem o reajuste de uma vez só agora em novembro, sem parcelamento. 8,5% é o reajuste mínimo aceitável, que corresponde à reposição da inflação pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor). Hoje (10/11), a mobilização foi na Invista, em Paulínia (foto acima). Na terça-feira (08/11), a luta foi na Hinode Cosméticos, em Barueri (foto abaixo), e seguirá em diversas fábricas até que os patrões atendam as reivindicações…

Campanha Salarial Setor Químico: Reajuste mínimo é de 8,5%

O Unificados protocola nas empresas químicas da região de Campinas e Osasco pautas para reivindicar 8,5% como reajuste mínimo sobre salários e piso, aplicado integralmente, sem parcelamento, em 1º de novembro. Assim, o piso nas empresas com até 49 trabalhadores passaria a R$ 1469,53 e nas empresas com mais de 50 trabalhadores seria de R$ 1506,40. Esta foi a decisão dos/as trabalhadores/as nas assembleias do dia 6/11, que rejeitaram a proposta dos patrões de parcelar a reposição da inflação, com…

Trabalhadores dizem NÃO à proposta da patronal

A proposta dos patrões de parcelar a reposição da inflação não atende as necessidades dos/as trabalhadores do setor químico das fábricas das regiões de Campinas e Osasco. Em assembleia realizada no dia 6/11, a categoria decidiu não aceitar este parcelamento do reajuste e fazer a luta por fábrica, inclusive com mobilizações, atrasos de produção e greve onde a negociação não avançar. Assembleia realizada no Cefol Campinas em 6/11 rejeita parcelamento do reajuste… …assim como a assembleia realizada no Cefol Osasco…

Assembleias agitam campanha salarial do setor químico

O Unificados realizou hoje (04/11) assembleia com os trabalhadores/as da Pro Nova Industria e Comercio Ltda, em Jandira, e também levou ontem (4/11) informações aos trabalhadores da Natura, em Cajamar, sobre a campanha salarial do setor químico. A luta intensifica-se nas fábricas pela pauta de reivindicação dos/as trabalhadores. Assembleia na Pro Nova, fábrica de cosméticos em Jandira, na manhã de hoje (4/11) Unificados levou aos trabalhadores da Natura informações sobre a campanha salarial, ontem (3/11) Os patrões ignoraram a pauta…

Mobilização nas fábricas das regiões de Campinas e Osasco é por avanços!

Na manhã desta terça-feira, 1º de novembro, o Unificados esteve na porta da fábricas Galvani Fertilizantes, em Paulínia e Devintex Cosméticos (Salon Line), em Jandira, mobilizando companheiras e companheiros para os próximos passos da luta pela campanha salaria.  Neste domingo, 6/11, os/as trabalhadores/as participam da assembleia decisiva da campanha salarial 2016 nos Centros de Formação e Lazer de Campinas e Osasco para decidir sobre a proposta da bancada patronal. Assembleia na Galvani Fertilizantes nesta terça, 01/11 aprestou proposta da patronal…

TESTE

Desenvolvido por Lógica Digital

© 2016 Químicos Unificados

Químicos Unificados

Veja todos

Fale conosco