News details

Read the full story here
di

Mulheres protestam contra casos de violência em Campinas

Ontem, 28/02, o Sindicato dos Químicos Unificados e Intersindical Central da Classe Trabalhadora realizaram, junto com diversos coletivos de luta em defesa dos direitos das mulheres, um protesto em frente à 2ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Campinas para sensibilizar a população quanto urgência de políticas para acabar com à violência contra as mulheres.

Mulheres representantes de partidos de esquerda, de sindicatos filiados à CUT também participaram da ação que foi realizada no mesmo dia em que foi inaugurado o atendimento 24 horas para a 2ª DDM – uma reivindicação antiga das mulheres em Campinas, uma vez que a grande maioria dos casos de violência contra mulheres ocorrem à noite ou na madrugada.

 

protesto

Nice Vieira, Presente!

A comerciante Nice Vieira, de 53 anos, foi a vítima mais recente de caso de Feminicídio na cidade de Campinas. Moacir Zanella ateou fogo na comerciante dentro da loja de bijuterias na tarde do dia 27/02 após uma discutir com Nice por não aceitar o término do relacionamento. Em sua memória e para que crimes contra as mulheres parem de acontecer, as mulheres seguiram até a loja de Nice para dar continuidade ao protesto.

O Brasil é o 5º país que mais mata mulheres no mundo e em Campinas as DDMs abriram 243 inquéritos com 27 prisões somente no primeiro mês de 2019. Para Edilene Santana, uma das dirigentes do Unificados presente no ato, é necessária a implantação de mais políticas públicas para impedir que o machismo continue matando mulheres.

“O atendimento 24h da DDM é uma conquista de nossa luta, mas é preciso atuar preventivamente. Quando defendemos que as escolas discutam gênero é para que meninos e meninas cresçam aprendendo que o respeito e a igualdade é para todos. O machismo enraizado fere, mata e mutila. E isso precisa acabar”, destaca.

Coletivo de Mulheres

Para o Unificados, a luta por igualdade e o combate à violência é prioridade. Por isso, mantém um Coletivo de Mulheres que desenvolve atividades formativas com trabalhadoras e trabalhadores da base, conscientizando que o machismo é uma das formas de opressão do sistema capitalista.

Convocatória

O Unificados convoca todas e todos a participar dos atos pelo Dia Internacional das Mulheres em Campinas e Osasco. Haverá também uma programação especial para sindicalizadas no dia 10/03 no Cefol Campinas. O lema neste ano é: Mulheres contra Bolsonaro, vivas, por Marielle! Em defesa da Previdência, da Democracia e Direitos!
Confira a programação e participe!

CAMPINAS

08/03 a partir das 14h – Coletivo de Mulheres do Unificados estará na 13 de Maio dialogando com população e realizando panfletagem

17h30 – Ato no Largo do Rosário pelo Dia Internacional de Luta das Mulheres
10/03 a partir das 10h – Programação Especial no Cefol Campinas pelo Dia Internacional de Luta das Mulheres.
14/03 às 17h30 – Ato no Largo do Rosário contra o genocídio da população negra e em memória a Marielle Franco

SÃO PAULO
08/03 a partir das 16h – Concentração para ato Unificado Mulheres Contra Bolsonaro

POST COMMENT

TESTE

Desenvolvido por Lógica Digital

© 2016 Químicos Unificados