News details

Read the full story here

Greve garante conquistas na Sinter Futura, em Monte Mor

Praticamente todas as reivindicações feitas pelas trabalhadoras e trabalhadores da Sinter Futura Ltda. foram atendidas pela empresa, o que levou ao encerramento ontem à tarde (14/10/09) da greve iniciada na madrugada de 07 de outubro. A aceitação do acordo e o retorno ao trabalho foram aprovados em assembleia no final do dia.

No amanhecer, para tomar decisões trabalhadores da Sinter Futura fazem uma das inúmeras assembleias durante os sete dias de greve

No amanhecer, para tomar decisões trabalhadores
da Sinter Futura fazem
uma das inúmeras

assembleias durante os sete dias de greve

Estas foram as conquistas:

a)    Volta à jornada com trabalho somente em sábados alternados – desde o dia 1º, de forma arbitrária, a Sinter Futura impôs o trabalho em todos os sábados.

b)    Participação nos Lucros e Resultados (PLR) no valor de R$ 800,00 – o valor anunciado inicialmente pela empresa era de R$ 680,00.

c)    Abono de R$ 200,00 para os terceirizados de agência de empregos na empresa – pela legislação, terceirizados não têm direito a PLR e, portanto, nada receberiam.

d)    Nenhum desconto nos salários em razão dos sete dias de greve.

e)    Estabilidade no emprego por 60 dias.

Assédio moral: De forma acintosa, Sinter Futura gravou e filmou os trabalhadores o tempo todo, em tentativa de intimidar e impedir organização para defender legítimos direitos

Assédio moral: De forma acintosa, Sinter Futura gravou
e filmou os
trabalhadores o tempo todo, em tentativa de

intimidar e impedir
organização para defender legítimos direitos

Mais informações

A Sinter Futura Ltda. tem cerca de 330 trabalhadores, produz sabonetes, cosméticos, higiene pessoal e medicinais. Está situada na avenida Sinter Futura, nº. 300, em Monte Mor/SP.

Para informações atualizadas sobre a greve, ligar para os telefones (19) 7819.3140 com Ivanildo, (19) 7850.1932 com Palhinha e (19) 7850.1930 com Valdir, dirigentes do Sindicato Químicos Unificados que acompanharam os trabalhadores na portaria da Sinter Futura durante os oito dias de greve.

Sobre as motivações da greve, seus desdobramentos, os crimes cometidos pela empresa, pela Polícia Militar e pela Guarda Municipal, que agiram de forma truculenta e violaram o constitucional direito dos trabalhadores de se organizarem junto ao sindicato e ao de irem à greve, acesse:

https://www.quimicosunificados.com.br/2417/

Policiais no interior da Sinter Futura: Polícia Militar paga pelo estado agiu como segurança privada da empresa e contra legítimo direito dos trabalhadores

Policiais no interior da Sinter Futura:Polícia Militar
paga
pelo
estado agiu como segurança privada da
empresa e
contra legítimo direito
dos trabalhadores

TESTE

Desenvolvido por Lógica Digital

© 2016 Químicos Unificados

Químicos Unificados

Veja todos

Fale conosco