News details

Read the full story here

Site Rhodia atrasa produção por assembleia de campanha salarial

Uma assembleia que abordou a campanha salarial 2009 do ramo químico e os problemas específicos existentes nas empresas atrasou hoje (29/10/09) o início da produção no condomínio industrial instalado no site da Rhodia Brasil, em Paulínia. As diversas empresas situadas na área, somadas, têm aproximadamente 1.800 trabalhadores.

Antes do amanhecer tem início a concentração dos trabalhadores para assembleia na Rhodia (29/10/09)

Antes do amanhecer tem início a concentração dos
trabalhadores para assembleia na Rhodia (29/10/09)

Específicos

Na Hexion Specialty Chemicals, na Air Liquide Brasil e na Basf S.A., por exemplo, uma das reivindicações específicas das trabalhadoras e trabalhadores é que o valor da participação nos lucros e resultados (PLR) seja de, no mínimo, o equivalente a dois pisos salariais da categoria (o piso reivindicado é de R$ 900,00). Na Rhodia Brasil há também necessidade de regularização com efetivação de equiparações salariais.

Na soma dos três turnos, site industrial Rhodia tem cerca de 1.800 trabalhadores. 1º turno acompanha a assembleia (29/10/09)

Na soma dos três turnos, site industrial Rhodia tem cerca
de 1.800 trabalhadores. 1º turno acompanha a assembleia

Campanha salarial da categoria

A pauta de reivindicações da categoria foi entregue oficialmente à patronal em reunião realizada em 01 de outubro, na Federação dos Trabalhadores do Ramo Químico no Estado de São Paulo (Fetquim), em São Paulo. Agora transcorre a fase de negociações entre empresas e sindicalistas, com a última prevista para 31 de outubro. Estas são as reivindicações das trabalhadoras e trabalhadores químicos na campanha salarial 2009:

* Reajuste de 10% (reposição da inflação mais aumento real);

* Salário normativo (piso) de R$ 900,00;

* PLR de dois salários normativos;

* Redução da jornada de trabalho para 40 horas sem redução de salário; e

* Pessoas com deficiência: implantar um processo de qualificação profissional.

130 mil trabalhadores mobilizados

Os dirigentes do Unificados Valdir de Souza, André Henrique e Arlei Medeiros (a partir da esq.) no caminhão de som na assembleia na Rhodia (29/10/09)

Os dirigentes do Unificados Valdir de Souza, André
Henrique e Arlei Medeiros (a partir da esq.) no caminhão
de som na assembleia na Rhodia (29/10/09)

A data base da categoria é 1º de novembro e a atual campanha salarial abrange o período de 1º de novembro de 2008 a 31 de outubro de 2009.

A campanha é centralizada e unificada na Fetquim, que é formada pelos sindicatos Químicos Unificados (Campinas, Osasco e Vinhedo), Químicos e Plásticos de São Paulo e Químicos do ABC, que, somados, representam cerca de 130 mil trabalhadoras e trabalhadores no estado de São Paulo.

O Sindicato Químicos Unificados abrange a base territorial de Campinas, Osasco, Vinhedo e Regiões, com 22 municípios, cerca de 1.200 fábricas e perto de 40 mil trabalhadoras e trabalhadores.

O calendário de atividades e mobilizações conjuntas no estado de São Paulo da campanha salarial é definido em reuniões realizadas pelos sindicatos na Fetquim. Outras datas já estão agendadas para a realização de novas mobilizações conjuntas, sempre priorizando no dia setores específicos do ramo químico.

No aguardo do início da assembleia na Rhodia, a leitura do Jornal do Unificados (29/10/09)

No aguardo do início da assembleia na Rhodia,
a leitura do Jornal do Unificados (29/10/09)

TESTE

Desenvolvido por Lógica Digital

© 2016 Químicos Unificados

Químicos Unificados

Veja todos

Fale conosco