News details

Read the full story here

Trabalhadores da Rei Abrasivos entram em greve por reivindicações

 

Em assembleia realizada na manhã de hoje (08/11/11) os aproximadamente 100 trabalhadores da Rei Abrasivos, em Vinhedo, entraram em greve por reivindicações pela campanha salarial 2011, que tem data base em 01 de novembro.

Os trabalhadores querem 11% de aumento salarial (a empresa oferece 10%), participação nos lucros e resultados (PLR) no valor de R$ 1.200,00 em parcela única (a empresa propõe o pagamento em duas vezes) e R$ 100,00 de cesta básica.

Alcar Abrasivos

Na Alcar Abrasivos a greve iniciada na manhã de ontem tem continuidade e as negociações entre uma comissão de sindicalistas e trabalhadores com representantes da empresa não apresentou avanços.

 

Alessandro, dirigente da Regional Vinhedo, junto aos trabalhadores em assembleia na Alcar Abrasivos, em 07/11/11)

Os 200 trabalhadores da Alcar Abrasivos consideraram insuficiente a contraproposta apresentada pela empresa a suas reivindicações.

 

• Na participação por lucros e resultados (PLR) a reivindicação é de R$ 1.500,00, pagos em uma única vez. A empresa oferece R$ 1.400,00 em parcela única ou R$ 1.500,00 em duas vezes.

• Na cesta básica os trabalhadores querem melhorias nos itens e também na alimentação, além do reajuste de 15%. A Alcar oferece somente os 15% de reajuste.

• Quanto aos salários a reivindicação é de que o reajuste a partir da data base da categoria (01/11/11) seja superior aos 9% oferecidos pela patronal na mesa de negociações em São Paulo.

TESTE

Desenvolvido por Lógica Digital

© 2016 Químicos Unificados

Químicos Unificados

Veja todos

Fale conosco