News details

Read the full story here

Campanha Salarial Emergencial

Em decisão tomada coletivamente na CNQ – Confederação Nacional do Ramo Químico da CUT, todos os sindicatos químicos cutistas do país lançaram uma Campanha Salarial Emergencial, com o objetivo de recuperar as perdas salariais de 12,6%, índice da inflação acumulada em 6 meses. De 1º de novembro de 2002 (nossa data base) até 28 de fevereiro, a inflação acumulada medida pelo INPC do IBGE somou 10,39%. Com a projeção de mais 1% para março e 1% para abril, nossos salários perderam 12,6% em seu poder de compra.

A categoria

A CNQ representa aproximadamente 450 mil trabalhadores em todo o Brasil, nos setores químicos, farmacêuticos, plásticos, abrasivos, petroquímica, borracha, papel e celulose, cerâmica, vidros e similares, em sindicatos filiados à CUT – Central Única dos Trabalhadores. Na base territorial de nosso sindicato, o Sindicato Químicos Unificados, que abrange as regiões de Campinas, Osasco e Vinhedo, são cerca de 30 mil trabalhadores.

Entrega da pauta

A pauta de reivindicações foi protocolada pela CNQ no dia 07 de abril (segunda-feira) na Fiesp – Federação das Indústrias do Estado de São Paulo, e dela constam dois itens:

*Reposição de 12,6% da inflação acumulada

*Redução da jornada de trabalho para 40 horas

TESTE

Desenvolvido por Lógica Digital

© 2016 Químicos Unificados