News details

Read the full story here

Unilever não aceita proposta do sindicato para processo de alcoólicos

xx

A Unilever Brasil, de Vinhedo, apresentou ontem (15/06) sua posição contrária em relação à proposta feita pelo sindicato para cálculo da periculosidade aos trabalhadores que fazem parte do processo conhecido como alcóolicos.

Na audiência de conciliação, realizada no dia 08/06, os advogados do sindicato haviam reapresentado a proposta para que o cálculo fosse feito a partir do atual salário base dos trabalhadores. O juiz determinou que a Unilever deveria se posicionar em relação a esta proposta no prazo de cinco dias.

Em resposta à determinação judicial, a empresa contestou o salário base como referência para o cálculo de valores da periculosidade, alegando que os reajustes salariais foram bem superiores às variações da Taxa Referencial (TR), que é a taxa de juros adotada pela Justiça do Trabalho como parâmetro para os procedimentos de correção monetária.

Embora a Unilever não concorde com a proposta do sindicato para o cálculo simplificado (salário base), ela não apresentou até o momento elementos e documentos necessários para a realização dos cálculos.

Agora, é aguardada a manifestação do juiz. Em caso de dúvidas ligar para Edinho (19) 99605.1904, Cunha (19) 99606.0297 ou Flávio, dirigentes da Regional Vinhedo do Unificados.

TESTE

Desenvolvido por Lógica Digital

© 2016 Químicos Unificados

Químicos Unificados

Veja todos

Fale conosco